Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pacotinhos de Noção

A noção devia ser como o açúcar e vir em pacotinhos, para todos tomarmos um pouco...

A noção devia ser como o açúcar e vir em pacotinhos, para todos tomarmos um pouco...

Pacotinhos de Noção

09
Nov21

País das Maravilhas


Pacotinhos de Noção

Polish_20211109_020139256.jpg

Não temos a Rainha de Copas, mas de repente podemos ter todos as cabeças cortadas, não somos o Humpty Dumpty, mas com tanto trambolhão a casca vai acabar por partir e para cá vivermos, e aguentarmos-nos, precisamos de ter bastante de Chapeleiro Louco.

No conto de Lewis Carroll a primeira personagem que recebe a Alice é um gato risonho, que lhe diz o quão doido e desajustado é aquele Mundo, mas que se calhar, no final das contas, a doida e desajustada deverá ser afinal a Alice, por ser diferente de todos os loucos que vivem naquele País das Maravilhas onde o gato tem uma importância preponderante.

Já neste nosso País das Maravilhas a loucura também se vai fazendo sentir cada vez mais e mais, e o gato deixa de ser risonho e passa a ser assustado, metido dentro dum saco onde depois é socado e pontapeado. Justificar este acto selvático, perpetrado por adolescentes, com a loucura é estar a ofender os verdadeiros loucos e atribuindo uma defesa para algo que é indefensável.

Quem de nós nunca meteu um gato dentro de saco para depois nos podermos divertir a dar-lhe murros e pontapés? Isto após termos estado a relaxar a apedrejar as janelas dos vizinhos e ter ido à igreja roubar a caixa de esmolas. Já todos os fizemos porque já todos fomos jovens e isto é algo adequado aos jovens...

Se ser jovem é isto então que se acabe com a juventude, porque com ela tem vindo a regressão civilizacional e uma desrespeito por tudo e por todos. Estes são os tais jovens que se formam tendo acesso a causas que mais tarde defenderão, mas que para já não é necessário. O que é necessário, isso sim, é fazer uma qualquer alarvidade para conseguir assim chamar a atenção sobre si, perante os amigos que vão julgar que ele é o maior entre os maiores.

Pensar que ao longo dos anos se foi lutando para que estes anormais não possam levar uma bela lambada, quando a merecem, e passando a ser jarrinhos de vidro em quem não se pode tocar, eles pegam nessa falta de regulamento, de disciplina e de autoridade e aproveitam para fazer sofrer um animal. Isto não é só loucura, falta de educação e disciplina. É principalmente maldade, pura, gratuita e dura. As crianças nascem selvagens, são educadas e há umas que continuarão selvagens e serão adultos selvagens.

Solução para isto seria pedir para que as autoridades tomassem conta da ocorrência, mas não vai ser possível porque lhes ocorreu antes que deveriam, isso sim, formar um pequeno e restrito clube de cavalheiros onde o mote seria o de traficar droga, ouro e diamantes. Acho bem. Sendo legal não vejo mal nenhum nisto. Os mais distraídos vão dizer — mas olha que não é legal — ao que eu respondo que estão enganados.

Estas actividades ilícitas só o são porque são consideradas "à margem da lei", mas se são feitas por polícias, GNR's e até advogados então são acompanhadas pela lei, não estando assim à margem.

Parece até que este é um negócio internacional, o que de muito orgulho me enche, ao perceber que Portugal deixou de ser reconhecido lá fora não só por ganhar bastantes vezes nos Jogos Sem Fronteiras, mas também porque tem uma mão de obra criminosa que é já bastante apreciada no estrangeiro.

Tenho quase a certeza que um dos argumentos utilizados vai ser o de que estas forças policiais e militares incorrem no mundo do crime porque são muito mal pagos, justificação esta que também é utilizada, amiúde, quando são apanhados políticos. Em relação aos polícias eu concordo que são muito mal pagos. Aliás, são pessimamente pagos quando deveriam ser das profissões mais bem pagas da sociedade, mas não são. Assim como não são os varredores de rua, os caixas de supermercado, os motoristas de veículos pesados... De facto julgo que perto de 100% da população portuguesa empregada vai garantir ser muito mal paga e eu pergunto se isto significa que vamos todos fazer como os senhores militares e policiais e tentar a nossa incursão no mundo criminoso?

Se esta for a solução aviso já que alinho, mas só se puder trabalhar na parte da contabilidade. Gosto muito de mexer em dinheiro e ainda pode ser que consiga fazer um ou outro desfalquezinho. É que ladrão que rouba o polícia ladrão tem mais de 1500 anos de perdão.

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub